Minha História

Casar é iniciar uma vida a dois por vontade e por amor. Sendo assim, já éramos casados. Casamos em novembro de 2014, sem papel, benção ou contrato. Porém, eu sempre deixei claro o quanto um pergolado simples, uma graminha verde e a nossa troca de alianças, sob o sol e diante das pessoas mais íntimas, seria um sonho. Logo, em outubro de 2016, Tiago me manda uma mensagem no WhatsApp:

_ Aceita casar comigo? (Com um emoji de gargalhada)

_ E eu respondi: _Claro! (E devolvi o emoji). 

Confesso que nem achei que fosse verdade, mas sim, esse foi o meu pedido de casamento. Talvez o mais inusitado de que se tem notícia. E foi assim que tudo começou...

O que seria apenas uma cerimônia intimista acabou virando uma festa para 230 convidados, com um prazo absurdo (menos de três meses) e um investimento disponível limitado. E como foi possível realizar essa façanha? Com muita fé e vontade, jogo de cintura, feeling, com a ajuda dos amigos mais próximos e com adaptações dentro do que era possível flexibilizar. Porém, se durante nossos preparativos tivéssemos uma Amiga exclusiva para tratar de casamento, que nos desse atalhos e viabilizasse a otimização do nosso tempo e orçamento, com dicas, inspirações e medidas alternativas, tudo seria mais fácil. Alguém que conhecesse o
mercado e ao mesmo tempo soubesse como é ser noiva então, nossa! Seria incrível!

Eu só não imaginava que um dia essa amiga tão necessária seria eu.

Após o nosso casamento, muitas noivas começaram a me procurar através das redes sociais e dos fornecedores contratados para a nossa festa, buscando dicas e querendo saber quais os trâmites para a elaboração de um casamento. E eu prontamente não só respondi a cada noiva, como busquei soluções, fui atrás de mais fornecedores, auxiliei nos conflitos, e sem perceber fui elaborando um check list cada vez mais completo. Muitas vezes tive de me virar nos trinta para conciliar a minha vida profissional e pessoal do momento, a toda demanda de noivinhas que precisavam de uma amiga especialista ao seu lado. A cada história festejada com sucesso, eu vibrava e experimentava uma satisfação surreal. E diante do crescimento despretensioso que eu me deparava chegou o momento de decidir o que fazer.

E eu decidi continuar e assumir que eu já era Peixinho - A Amiga Da Noiva.

Agora confere as fotos desse meu sonho-aventura tão fantástico que tornou minha vida afetiva ainda mais plena e repercutiu na minha vida profissional. Ah, e se quiser os detalhes de como foi possível realizar é só seguir lendo a minha história!

Fotografia: Eduardo Freire

%d blogueiros gostam disto: